25 de abr de 2013

Tudo que eu poderia desejar.



Foi daquele jeito meio torto, com aquele sorriso tímido e palavras curtas que conversamos pela primeira vez, não poderia imaginar o quanto nossas vidas iriam mudar depois daquele encontro. Era mais uma festa de fim de ano escolar, eu nem deveria ter saído de casa naquele dia, essas coisas não combinavam comigo, dança e música eletrônica, sempre achei ter nascido na época errada, eu não me encaixava naquele mundo. Você não era o meu tipo ideal de garoto, você usava gel no cabelo, e andava com aquelas calças rasgadas, éramos tão diferentes. Você o garoto descolado e popular da escola, e eu, apenas uma garota tímida e desajeitada que adorava passar o tempo na biblioteca. Nada em mim poderia chamar a sua atenção, mas por que você continuava me olhando daquele jeito garoto? Era alguma brincadeira de mal gosto? Eu não entendia.

Você veio em minha direção e disse “Oi”, na hora eu pensei: não pode ser comigo, não pode, mas era, você pediu licença, puxou a cadeira e sentou ao meu lado. Durante nossa conversa, percebi que você não era tão babaca quanto eu achava, você curtia as mesmas músicas que eu, e gostávamos dos mesmos livros. Como você poderia ser tão parecido comigo? Passamos o resto da festa conversando, enquanto as pessoas dançavam e se divertiam a nossa volta, naquele momento nada mais importava, eu só podia sentir as batidas do meu coração enquanto você segurava minha mão e me falava sobre a sua vida, seus sonhos. Depois da festa voltamos a nos encontrar e aquele sentimento só aumentava cada vez mais. Tivemos uma linda história juntos, éramos jovens e imaturos, a vida com seus altos e baixos acabou nos separando, seguimos caminhos opostos, amadurecemos, conhecemos pessoas diferentes, vivemos outros romances, tivemos outras decepções, e assim a vida foi caminhando. Existem pegadas que o tempo não pode apagar, e a sua é uma delas, meus melhores momentos pode ter certeza, que foram sempre ao seu lado, e relembrar é viver tudo novamente.

Depois daquele encontro, passei a admirar mais as pessoas, antes de julgá-las por sua aparência, por trás de uma roupa rasgada e um cabelo “arrumadinho” estava a melhor pessoa que eu poderia ter encontrado.


3 comentários:

Todos os comentários são lidos antes de serem aprovados!